Início > C++ > C++ – Criando janelas usando apenas código

C++ – Criando janelas usando apenas código

Em outro tutorial mostrei como criar janelas usando Visual C++, da Microsoft, uma forma muito fácil, mas se o leitor não gosta do estilo do Visual C++ e nem das extensões que foram incorporadas ao C++ nesse compilador, é possível criar janelas em C++ puro. Vou usar o Dev C++, um compilador bem simples para exemplificar a criação de uma janela feita “a mão” em C++, pode baixá-lo aqui. Precisará de um pouco de conhecimento em C++ e Windows, e vamos criar uma aplicação que calcula a hipotenusa a partir dos catetos! Inicie um novo projeto clicando no botão azul onde está escrito DEV, localizado no canto superior esquerdo da janela. No diálogo que será iniciado, digite um nome para o projeto e clique em Windows Application. Um código deve ter sido criado. Delete esse código, vamos começar a criação da janela passo-a-passo. Agora cole esse:

// Cabeçalhos necessários
#include <windows.h>
#include <stdlib.h>

LRESULT CALLBACK WindowProcedure (HWND, UINT, WPARAM, LPARAM);

// WinMain, a função main em janelas
int WINAPI WinMain (HINSTANCE hThisInstance,
HINSTANCE hPrevInstance,
LPSTR lpszArgument,
int nFunsterStil)
{

HWND hwnd;      // O objeto para indicar a janela
MSG messages;   // Objeto mensagem do Windows para controlar o acionamento de botões
WNDCLASSEX wincl;   // O objeto para criar a janela

wincl.hInstance = hThisInstance;
wincl.lpszClassName = “WindowsAppl”; // Nome da classe da janela
wincl.lpfnWndProc = WindowProcedure;
wincl.style = CS_DBLCLKS;
wincl.cbSize = sizeof (WNDCLASSEX);
wincl.hIcon = LoadIcon (NULL, IDI_APPLICATION);
wincl.hIconSm = LoadIcon (NULL, IDI_APPLICATION);      // Janela com icone default do Windows
wincl.hCursor = LoadCursor (NULL, IDC_ARROW);          //Cursor default
wincl.lpszMenuName = NULL;
wincl.cbClsExtra = 0;
wincl.cbWndExtra = 0;
wincl.hbrBackground = (HBRUSH) COLOR_BACKGROUND;       // Cor cinza de background

if (!RegisterClassEx (&wincl))  // Se o registro da classe foi mal-sucedido return 0
return 0;

hwnd = CreateWindowEx (               // Criação da janela
0,
“WindowsAppl”,                 // Indicação da classe da janela
“Hello World”,                 // Nome da janela
WS_OVERLAPPEDWINDOW,           // Estilo da janela
350,                               // x em relação ao desktop
250,                                 // y em relação ao desktop
300,                                  // largura da janela
300,                               // altura da janela
HWND_DESKTOP,
NULL,
hThisInstance,
NULL
);

ShowWindow (hwnd, nFunsterStil);                // Mostrar a janela

while (GetMessage (&messages, NULL, 0, 0)) // Recuperar mensagens
{
TranslateMessage(&messages);
DispatchMessage(&messages);
}

return messages.wParam;
}

LRESULT CALLBACK WindowProcedure (HWND hwnd, UINT message, WPARAM wParam, LPARAM lParam)
{
switch (message)
{
case WM_CREATE: // Criação da janela
break;
case WM_COMMAND:   // Interpretação da janela
break;
case WM_DESTROY:   // Destruição da janela
PostQuitMessage (0);
break;
default:
return DefWindowProc (hwnd, message, wParam, lParam);
}
return 0;
}

O cabeçalho #include<windows.h> é obrigatório em qualquer aplicação que use janelas no Windows. O outro cabeçalho(stdlib.h) contém a biblioteca de funções do Windows e C++. Depois iniciamos uma Procedure do Windows e a função WinMain, que configura, cria e deixa visível a janela. Dentro dessa função precisamos definir uma variável HWND para a janela, uma variável MSG para armazenar as ações do usuário e da janela e uma variável WNDCLASSEX para configurar e criar a janela. A seguir podemos ver a variável wincl que definimos anteriormente chmando variáveis de configuração. Entre elas, podemos ver algumas importantes como lpszClassName, que define o nome da classe da janela, as outras importantes se tiver interesse pode ver nos comentários do código. Depois verificamos se a classe foi registrada com sucesso e criamos a janela com a função CreateWindowEx, pode ver os parâmetros importantes dessa função nos comentários. Depois mostramos a janela, recuperamos a variável messages determinada anteriormente, e agora uma parte importantíssima, que é a definição do WindowProcedure, a função chamada quando o usuário interage com a janela. Dentro da WindowProcedure temos um switch, e quando a condição é WM_CREATE a janela é criada, quando a condição é WM_COMMAND é porque o usuário interagiu com um componente da janela, e quando é WM_DESTROY é porque a janela foi destruída! A única dessas condições com algo além de break por enquanto é a WM_DESTROY, em que chamamos a função PostQuitMessage para destruir a janela. Aperte f9 para compilar. Isso é o que deve aparecer:

helloworld

COLOCANDO OS COMPONENTES

Criamos uma janela vazia. Agora é hora de colocar os componentes!  Precisaremos de dois Textbox para a entrada dos valores dos catetos, um botão para acionar, duas labels para indicar os campos do cateto a e cateto b, e após o cálculo ser completado, disparar uma MessageBox com o resultado. Cole esse código acima da função WindowProcedure:

#define BUTTONOK 10

HINSTANCE g_inst;
HWND Cateto1, Cateto2, ButtonOk;

void DrawComponents(HWND hwnd, UINT message, WPARAM wParam, LPARAM lParam) {

CreateWindowEx (
0,
“STATIC”,
“Cateto a”,
WS_VISIBLE|WS_CHILD,
30, 20, 60, 20,
hwnd,
NULL,
g_inst,
NULL
);
Cateto1 = CreateWindowEx (
WS_EX_CLIENTEDGE,
“EDIT”,
“”,
WS_VISIBLE|WS_CHILD|WS_BORDER,
30, 50, 50, 20,
hwnd,
NULL,
g_inst,
NULL
);

CreateWindowEx (
0,
“STATIC”,
“Cateto b”,
WS_VISIBLE|WS_CHILD,
30, 80, 60, 20,
hwnd,
NULL,
g_inst,
NULL
);

Cateto2 = CreateWindowEx (
WS_EX_CLIENTEDGE,
“EDIT”,
“”,
WS_VISIBLE|WS_CHILD|WS_BORDER,
30, 110, 50, 20,
hwnd,
NULL,
g_inst,
NULL
);

ButtonOk = CreateWindowEx (
0,
“BUTTON”,
“Ok”,
WS_VISIBLE|WS_CHILD,
40, 140, 20, 20,
hwnd,
(HMENU)BUTTONOK,
g_inst,
NULL
);

}

Dentro da função WindowProcedure e do switch, chame essa função que acabamos de criar desse modo dentro do WM_CREATE:

DrawComponents(hwnd,message,wParam,lParam);

Com esse código criamos uma função para desenhar os componentes na janela, e podemos ver a função CreateWindowEx ser chamada, mas dessa vez, com parâmetros diferentes. Os parâmetros mais importantes são: o segundo(tipo do componente), o terceiro(texto do componente), o quarto(Definição de que o componente será visível e filho da janela), o quinto(distância da esquerda), sexto(distância do topo), sétimo(largura do componente), e oitavo(altura do componente). Podemos também ver a declaração de algumas variáveis HWND, que guardarão os dados das Textbox e do botão, para sabermos seus valores e se foram acionados. O botão precisa excepcionalmente de um ID, criado com #define anteriormente. Finalmente chamamos a função que criamos e informamos os parâmetros definimos na função WinMain. Aperte f9 e deverá ver isso:

ComponentWindow


CRIANDO A LÓGICA DA APLICAÇÃO

Agora que já criamos todos os componentes, devemos calcular a hipotenusa. Inclua no seu programa o cabeçalho math.h para podermos calcular a raiz quadrada. Agora copie esse código para dentro do WM_COMMAND no switch do WindowProcedure.

if ((HIWORD(wParam) == BN_CLICKED))
{

SendMessage(
(HWND) Cateto1,
(UINT) EM_GETLINE,
(WPARAM) 1,
(LPARAM) &Cat1
);

SendMessage((HWND)Cateto2,(UINT)EM_GETLINE,(WPARAM)1,(LPARAM) &Cat2);

CatetoA = atoi(Cat1);
CatetoB = atoi(Cat2);
int Hipotenusa_quadrado = CatetoA*CatetoA + CatetoB*CatetoB;
hipotenusa = sqrt(Hipotenusa_quadrado);

itoa (hipotenusa,Hipot,10);

MessageBox (NULL, Hipot, “Resultado”, MB_OK);
}

Antes da função WindowProcedure também copie essas variáveis:

char Cat1[20] = “0”, Cat2[20] = “0”, Hipot[20] = “0”;
int CatetoA, CatetoB, hipotenusa;

Neste código colocamos uma condição if(HIWORD == BN_CLICKED) para determinar se o botão foi clicado. Se foi o código abaixo do if será executado. Com a função SendMessage nós recuperamos o texto digitado nas duas textBox e iniciamos duas variáveis String determinadas anteriormente com o seu valor. Depois fazemos uma conversão de String para int coma  função atoi e finalmente calculamos a hipotenusa! Mas ainda não acabou. Precisamos converter de int para String para podermos mostrar o resultado em uma MessageBox. Agora sim! Abaixo seguem a imagem do programa em ação e o link para download do código:

FinishedWindow

Download Source

CONCLUSÃO

O que levaria cinco linhas de código para fazer no Visual C++ levou mais de 100 no Dev C++. Programar janelas em C++ sem usar facilitadores como os do Visual C++ gasta muito mais tempo, mas em compensação é mais flexível e deixa o programa mais rápido. Recomendo programar assim apenas programas que realmente necessitem desse tipo de programação.

  1. Kdell
    outubro 1, 2009 às 3:10 am

    Aqui nada funcionou ficou dando erro
    posta um tuto mais sério

    • negativepositivenegative
      outubro 1, 2009 às 6:11 pm

      Instale o Dev-C++, inicie um novo projeto e na hora de escolher o tipo de aplicacao escolha Windows Application, se escolher outro tipo nao funciona nada mesmo. Depois clique no link de download do código no post e cole o código no arquivo main da aplicacao, aqui fiz isso e deu certo.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: